Desenvolvimento Pessoal

Felicidade ou um cadáver adiado?

Sem a loucura que é o homem Mais que a besta sadia, Cadáver adiado que procria? Fernando Pessoa Desde muito cedo que a poesia entrou na minha vida como uma porta aberta para um conhecimento mais profundo, mais burilado da existência. E quanto mais procuro respostas mais instigada sou a procurar, e mais interrogações vou tendo. No topo da lista dos autores aos quais volto sempre e que a maturidade me tem permitido redescobrir incessantemente está Fernando Pessoa. O seu…

0
Read More

FELICIDADE E A DICOTOMIA DE UM PORCO ESPINHO

Nas minhas leituras e deambulações sobre autoconhecimento deparei-me há uns tempos com uma metáfora curiosa sobre o conceito de felicidade. Muito bem descrita pelo filósofo e historiador Leandro Karnal no seu livro “O Dilema do Porco Espinho”, fala sobre o seguinte: Arthur Schopenhauer, filósofo alemão do século XIX, na sua juventude gostava de escalar montanhas. E numa dessas aventuras, durante o Inverno, reparou num grupo de porcos espinhos que sentiam frio. Ora como sentiam frio, aproximavam-se uns dos outros para…

0
Read More

Cada vez mais estou certa de que abraçando as nossas competências e as nossa aptidões estamos na senda da nossa verdade, da nossa felicidade.

Redes Sociais